CORITIBA FOOT BALL CLUB

160x600 Escudo Errado Não
Elenco - Berola

09/07/2013 11:20:50 ( atualizada em 09/07/2013 11:37:01 )

Após rodada encerrada, Coxa se mantém entre os primeiros

Após rodada encerrada, Coxa se mantém entre os primeiros
Seu Nome:
Seu Email:
Mensagem:
Digite o que vê nas imagens abaixo?

Espírito de reação fora de casa fortalece a equipe para sequência do Brasileiro

O espírito de reação da equipe coxa-branca no Mané Garrincha fez o Verdão somar mais um ponto fora de casa e se manter invicto no Brasileiro. Mais importante que isso, a comissão técnica e o grupo podem comemorar ao final da 6ª rodada a manutenção das primeiras colocações.

Afinal, o Coritiba sabia que seria um jogo difícil diante do Flamengo. “Foi um grande resultado, principalmente pelo cenário montado, a estreia do Mano com o Flamengo mais ajustado, quase 60 mil pessoas no estádio”, avalia o técnico Marquinhos Santos. “O grupo está de parabéns porque foi guerreiro e jogou como um time grande fora de casa. Não é fácil enfrentar o Flamengo fora de casa com quase 60 mil pessoas”, emenda.

Se por um lado ficam lições para corrigir, também é possível perceber evolução do trabalho,o que traz boas perspectivas para a sequência do torneio nacional. “Todo o contexto aplicado na intertemporada foi mostrado, principalmente pela reação dentro do jogo no segundo tempo”, admite o treinador.

Pouco a pouco a equipe vai se encorpando e com os resultados encerrados da sexta rodada o Coxa se mantém entre os primeiros da competição. Apenas o Botafogo venceu e superou o Coritiba na pontuação, mas o Verdão permanece no G-4, embora o torneio esteja apenas no início.

“A equipe está começando a mostrar essa maturidade, não se intimidou mesmo atrás do placar e se manteve equilibrado emocionalmente. Tivemos a condição de marcar o primeiro, depois o  empate e ainda tivemos a oportunidade de marcar o terceiro”, avalia Santos.

Sem dúvida, o grupo reconheceu que poderia ter deixado o Maná Garrincha com um melhor resultado, mas a postura de reação não pode ser esquecida. “Esse é o sentimento de uma equipe como o Coritiba que está se tornando cada vez maior. O jogador não ficar satisfeito de vir aqui e empatar e saber que a gente poderia ter ganho. Viemos com o pensamento de somar três pontos, mas pelas circunstâncias conseguimos um resultado importante”, finaliza Marquinhos Santos.