CORITIBA FOOT BALL CLUB

160x600 Escudo Errado Não
Elenco - Julio Rusch

17/03/2016 17:40:25

Primeira Liga

Primeira Liga
Seu Nome:
Seu Email:
Mensagem:
Digite o que vê nas imagens abaixo?

Grupo de governança se reúne no Couto para discutir melhorias no estatuto da Liga. Compliance do Coxa servirá de modelo para avanços de gestão da entidade

 
 
Uma comitiva de representantes da Primeira Liga esteve, na tarde desta quinta-feira (17), no estádio Couto Pereira. A razão da reunião foi para debater alterações e melhorias no estatuto da instituição recém-formada. Na ocasião, o modelo de compliance do Coritiba Foot Ball Club também foi analisado como possibilidade para aplicação em outros clubes integrantes da liga, bem como na própria entidade.
 
“Foi produtivo porque trabalhamos em pontos que passaram batidos num primeiro momento no estatuto, porque tínhamos pressa para aprovar todos os documentos para a realização da competição. Agora estamos trabalhando para detalhar todos os tópicos e avaliando o estatuto em sua totalidade”, destacou o CEO do Coritiba e atual secretário da Primeira Liga, Maurício Andrade.

Além de Andrade, estiveram presentes na reunião Gustavo Nadalin, diretor jurídico do Coritiba; Eduardo Carlezzo, diretor jurídico da Primeira Liga; Guilherme Stumpf, advogado do Grêmio; Marcelo Penha, diretor jurídico do Fluminense; e Luiz Kriwat, diretor de futebol do América Mineiro.
 
No início do encontro, Carlezzo levantou a discussão em relação ao Programa Conduta Coxa-Branca, elogiando o modelo de compliance aplicado no Coritiba e sugerindo a utilização por outros clubes e pela própria Primeira Liga. “Esse modelo deve ser seguido por todos, pois demonstra uma maturidade nas relações de gestão dos clubes. Essa é uma tendência do futebol nacional e, em breve, mais projetos como este devem ser implementados”, afirmou.
 
“Carlezzo veio conhecer o programa de compliance e podemos perceber que estamos contribuindo para que esse modelo seja colocado em prática e levado como exemplo para outros clubes e até mesmo na Primeira Liga”, complementou o CEO coxa-branca Andrade.
 
Outro encontro com o mesmo teor deve ser realizado em breve pelos clubes participantes para dar sequência às discussões.