CORITIBA FOOT BALL CLUB

160x600 Escudo Errado Não
Elenco - Vitor Carvalho

16/10/2017 14:36:00 ( atualizada em 16/10/2017 18:21:51 )

Conselho Administrativo esclarece pontos importantes

Conselho Administrativo esclarece pontos importantes
Seu Nome:
Seu Email:
Mensagem:
Marque a opção abaixo

Em coletiva de imprensa, presidente Bacellar e vice-presidentes abordaram temas relativos a administração e futebol

Os membros do Conselho Administrativo do Coritiba realizaram na tarde desta segunda-feira (16), no Estádio Couto Pereira, uma coletiva de imprensa esclarecendo temas relativos à gestão do clube até aqui. Entre os assuntos tratados estiveram o momento atual do time no Campeonato Brasileiro, confiança na comissão técnica, sobre as finanças do clube, eleições e também o Brasileiro Sub-20, bem como a possível utilização dos atletas da equipe da base no time profissional.

“O momento não está bom, nós sabemos, nós temos que agradecer a nossa torcida que tem nos apoiado, em todos os lugares que o Coritiba vai jogar. As críticas são normais, porque o time não está bem na tabela, eu como torcedor também quero que o time saia dessa situação na tabela. Quero agradecer os funcionários do clube que dão as condições para que os salários de todos estejam em dia, e além disso, nossas finanças também”, declarou o presidente do Coritiba, Rogério Portugal Bacellar.

Com a presença dos vice-presidentes, José Fernando Macedo, Gilberto Serpa Griebeler, Alceni Ângelo Guerra e Celso Luiz Andretta, foram ressaltados pontos importantes no que diz respeito às finanças do Coritiba, bem como medidas administrativas como a redução da dívida e também o pagamento em dia dos salários e impostos do clube. Os jornalistas presentes ainda perguntaram sobre a permanência da atual comissão técnica à frente do time e também em relação a peças do elenco atual.

“Nós fizemos um esforço incomum para trazer o Marcelo Oliveira, nós não temos hoje condições de ter um outro técnico na qualidade do Marcelo Oliveira na equipe para repor”, afirmou Bacellar. “Se eu não acreditar no time que nós temos, quem vai acreditar? Eu ainda acredito. A responsabilidade é total. Eu como presidente eu assumo a responsabilidade de tudo. Eu não estou fora de nenhuma decisão, tanto no futebol, quanto no administrativo”, complementou o presidente.

Confira a entrevista completa: